Quase lá

Dois exemplos pinçados da Folha Online sobre uso inteligente de ícones para ilustrar hipermídia que valem a pena ser utilizados. Ganha o usuário, pois usa o crivo de leitura do mundo real no ciberespaço. Ganhamos também, pesquisadores, por verificar que estamos no caminho do trabalho aplicado ao mercado jornalístico. Obviamente porque fazer parte desse share faz toda a diferença ao levar discussões desse tipo para a academia.

Mas há um porém (como em quase tudo): a idéia de crivo pode ser aplicada também a edições de imagens randômicas, como essa ainda na Folha Online, e o design informacional resolve isso. Muito bem. Vale a pena experimentar.
E também eliminar redundâncias: ícone + vídeo + veja. Um botão play poderia resolver essa questão. Ou não? De novo, é a vez do design informacional pensar em uma saída razoável.

A pensar,

LM

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: