Quando a limitação faz criar

Excelente análise de Scott Dadich, diretor de criação da Wired, sobre como as limitações da página faz com que o designer não tenha limite na elaboração de um projeto gráfico e cita como exemplo o Google e o iPhone.

“At Wired, our design team sees this constraint as our daily bread. On every editorial page, we use words and pictures to overcome the particular restrictions of paper and ink: We can’t animate the infographics (yet). We can’t embed video or voice-over (yet). We can’t add sound effects or music (yet). But for all that we can’t do in this static medium, we find enlightenment and wonder in its possibilities. This is a belief most designers share. In fact, the worst thing a designer can hear is an offhand “Just do whatever you want.” That’s because designers understand the power of limits. Constraint offers an unparalleled opportunity for growth and innovation.”

íntegra
Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: