Se todos fossem iguais a você

Não é novidade que concordo com grande parte das teses do pesquisador russo Lev Manovich. É dele a visão bastante inteligente sobre as páginas da web se assemelharem a apresentações de Power Point, com mídias distribuídas – hipótese defendida também por Giselle Beiguelman (2009).

Levam a assinatura de Manovich dois livros que colocam em outra perspectiva a visão de quem comanda projetos de new media: Software Takes Command (disponível para download desde o final de 2008) e agora as mais de 300 páginas de The Language of New Media (publicado em 2001).

E o mais importante: o pesquisador compartilha com jornalistas, pesquisadores e leitores em geral a íntegra desses conteúdos.

Em tempos de aceleração, pelo menos na área de mídias digitais, a gentileza de Manovich em dividir seus trabalhos faz repensar a noção de temporalidade para monografias, dissertações, teses e até livros.

Não por acaso, Manovich já arregaçou as mangas para presentear seus leitores com Info-Aesthethics: Information and Form.

Não dá para deixar de acompanhá-lo.

A pensar,

LM

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: